LINKS RECENTES
Loading...

SEIS FORMAS DE ORAR PELAS VÍTIMAS DO ESTADO ISLÂMICO


O pastor, jornalista e escritor americano J. Lee Grady publicou um artigo em que enumera seis pontos importantes para cristãos que desejam se levantar em oração em favor de nossos irmãos que são perseguidos e mortos por causa da fé que partilhamos. Consideramos sua reflexão extremamente útil nessa semana em que nós e o mundo conhecemos o testemunho de mártires egípcios, cristãos coptas, assassinados pelos militantes do Estado Islâmico na Líbia. Como podemos orar diante de uma perseguição que é bíblica, mas como parte de um mesmo Corpo que não desejamos ver em tão grande sofrimento? Seguem algumas ideias abaixo. 

1. Ore por um testemunho corajoso do evangelho no meio da perseguição.

A perseguição era uma realidade na igreja do Novo Testamento, mas não impediu os primeiros discípulos de difundir o evangelho. Depois que Pedro e João foram presos e foi dito a eles para parar de pregar, a resposta foi: “Nós não podemos deixar de falar sobre o que vimos e ouvimos” (At 4:20). Ore para que os cristãos perseguidos não sejam intimidados ou silenciados por ameaças ou atos de terror.

2. Ore por milagres sobrenaturais para confirmar o evangelho. 

Quando a igreja primitiva enfrentou a oposição, eles oraram não só por ousadia, mas também por uma demonstração do poder de Deus. Eles oraram em unidade em Atos 4:29-30: “E agora, Senhor, olha para suas ameaças, e concede a teus servos que falem a palavra com toda a confiança, enquanto o Senhor estende a mão para curar, e fazer sinais e maravilhas por meio do nome do teu santo servo Jesus.” Ore para que Deus estenda seu braço e mostre ao mundo que Ele é real, especialmente para militantes muçulmanos que não conhecem o Salvador.

3. Ore para que a semente dos mártires produza uma grande colheita de convertidos. 

Enquanto uma multidão enfurecida apedrejava Estêvão, o primeiro mártir da Igreja primitiva, ele clamou de joelhos: “Senhor, não impute a eles este pecado.” (Atos 7:60). Sua morte foi trágica, mas não foi em vão. Um grande derramamento do Espírito Santo seguiu seu martírio. Quando um cristão nascido de novo dá a sua vida por amor de Jesus, Deus vê e responde. Esta poderá ser a hora do maior despertamento espiritual no Oriente Médio.

4. Ore por uma forte convicção sobre aqueles que perseguem a igreja. 

Saulo concordava com as prisões e matança dos primeiros discípulos, e observou como Estevão foi martirizado. No entanto, pouco depois de Saulo lançar sua própria campanha de terror, caiu com o rosto em terra e no caminho de Damasco foi dramaticamente convertido (ver Atos 9:3-4). Este mesmo milagre pode acontecer hoje com os líderes do Estado Islâmico. Não limite o poder de Deus e não faça orações vingativas de julgamento sobre essas pessoas. Ore para que os perseguidores da igreja tenham um encontro cara a cara com o Filho de Deus.

5. Ore por uma intervenção e proteção angelical. 

Durante uma onda de perseguição contra a igreja do Novo Testamento, um anjo apareceu na cela da prisão de Pedro, acordou-o e soltou suas correntes. (ver Atos 12:7). Oremos para que Deus cumpra sua vontade na vida daqueles que são seus, que mova lideranças em seu benefício. 

6. Ore para que a comunidade cristã global trabalhe pela paz e justiça no Oriente Médio. 

Não podemos simplesmente sentar e assistir nossos irmãos e irmãs serem decapitados por sua fé, enquanto desfrutamos nossa vida confortável no Ocidente. Temos que ser solidários com eles, não só em oração, mas também em ação. Devemos apoiar ativamente os líderes do governo e da igreja que estão trabalhando nos bastidores por uma reconciliação, levando ajuda humanitária e proteção para as vítimas da injustiça.

Nossa resposta a essa onda de terror não pode ser pelo medo ou ódio. Seja proativo, orando fervorosamente. Peça a Deus para liberar no Oriente Médio um grande derramamento do Espírito Santo, que não apenas irá trazer a Cristo muçulmanos amantes da paz, mas também militantes islâmicos sanguinários que estão afiando suas facas para o próximo ataque.



0 comentários: